24 de jan de 2011

Adolescentes

Confecção das pulseiras
  Na última quarta-feira dia 19.01.2011, fiz um trabalho de formação com as adolescentes do Instituto São Benedito localizado na rua Feliz da Cunha próximo a Catedral São Francisco de Paula em Pelotas.
  Essas meninas são das cidades de Pelotas, Capão do Leão, Canguçu e São Lourenço, trabalham como estágiarias em agencias de banco e todas as quartas se reúnem  para uma bonita tarde de formação e nesta
semana fui convidado pela Irmã e amiga Maristela.
Pulseira com nome em couro
  O tema trabalhado foi: ‘Opressores e oprimidos’ fazendo uma provocação a cerca dos patrões e empregados. Outra provocacão que foi feita foi a questão das realizações dos sonhos, por serem de realidades que não ajudam e não incentivam os estudos refletimos bastante da importância de paralelamente ao trabalho que é necessário e preciso  estudar e se fazer presente nos meios que mais chamam atenção. A maioria delas  gosta de dança e participam ou já participaram de grupos.


Pulseiras prontas
   Para finalizar, uma última reflexão, o consumo e  a exploração que jovem sofrem ao comprarem marcas que só exploram o povo em sua construção, foi apresentado a economia popular solidária e como gesto ensinei como fazer pulseiras artesanais de macramê.

1 comentários:

Vulcka disse...

Eu faço pulseirinhas assim, mas de linha :D
Ta... eu confesso; não sei o que é macramê.
hauhsauhs

Postar um comentário