30 de dez de 2011

Tchau 2011, seja bem vindo 2012!


Certamente nem repararam que não escrevi nada em meu blog nas festividades de natal por dois motivos: ou não se lembraram de mim, ou não visitam este meu espaço. Pois bem, Natal é umas daquelas comemorações em que não me sinto muito bem não, por diversos fatores envolvendo acontecimentos familiares, lembranças de quando ainda era garoto e por hoje não ter uma família nos padrões imposto por essa sociedade e também por  não querer também constituir uma.
Prefiro as festas de réveillon pelos motivos que adiante partilharei. Mas continuemos com a reflexão sobre o Natal que é um momento que deveria ser celebrado todas as manhãs. Sim, todas as manhãs ao despertar conosco deveria nascer em nossos corações Cristo, o Deus da libertação, “O verbo que se fez carne e habita entre nós” (Jo 1, 14), habita no meio da juventude que tanto amo, dos pobres de finanças e de “espíritos”, nos marginalizados, nas criançinhas, nos excluídos...
Já o réveillon sempre foi motivo de festa, tempo de fazer retrospectivas, as famosas de Dona Izabel, que eu ficava incomodado, mas que hoje sinto falta e saudade. Final de ano é tempo de celebrar e planejar. Celebrar a vida, os bons acontecimentos, as pessoas que conhecemos, as conquistas materiais e afetivas. Celebrar é exaltar, louvar, agradecer. Para uma celebração ser completa, creio eu que é indispensável agradecer a todos que de alguma forma vivenciou algo comigo, que compartilhou sentimentos.
Por isso este poste. Quero celebrar, quero agradecer a todos que neste ano de 2011 passaram de alguma forma em minha vida, mas não posso deixar de citar algumas pessoas.
A Leandra, minha sobrinha e mana que além de casa tem partilhado segredos e vivências comigo. A minha irmã que em alguns momentos tem realizado o papel de mãe e está tendo a sabedoria de usar as palavras certas nas horas exatas. Aos sobrinhos e afilhados que alegram meu dia, correndo em frente a casa e animando a vida com suas traquinagens.
Ao pessoal da PJ de Pel, que com paciência souberam-me “carregar” no colo e tiveram sabedoria para compreender minha caminhada sem haver julgamentos ou apontamentos.
Ao Leo Dormeles, jovem que me espelho muito, que durante esse processo de aprendizagem tanto acadêmica como de vida soube com palavras motivadoras dar aquele conselho ou puxão de orelha quando preciso. Que me proporcionou conhecer uma forma de educação libertadora, fundamentada em estudos acadêmicos, que consegue brilhantemente mostrar sua sensibilidade.
A profª. Júlia pelas incansáveis orientações e paciência pelas chateações que ao longo do curso venho proporcionando a esta profissional brilhante. E aos demais professores que de alguma forma ou de outra contribui para a minha formação.
A todos os colegas, em especial Felipe e Camila que dividi ao longo deste ano trocas de grosserias, palavrões, sentimentos, lágrimas, segredos, confianças, colas, artigos... Nossas vidas esse ano foi partilhada de forma verdadeira, como acredito que deva ser em uma relação de amizade. O sentimento que venho construindo em relação a vocês é de irmãos, que mesmo com as pedras encontradas no caminho e discordância as alegrias são maiores e mais bonitas. A Jana, Cleverton e ao pessoal do PAIETS, meu agradecimento e lembrança também.
Aos integrantes da Trupe “O Circo Sem Lona” por esse ano, inicio de muitos anos de sucesso. Obrigado pela amizade Alex, Mi, Jaque, Fá, Rafa, Marcelo e com carinho Pablo pelo convite feito pra entrar pra essa família.
Com certeza muitas e muitos ficaram tristes em não ser citados aqui, mas saibam que se você de alguma maneira passou em minha vida esse ano, vou lembrar e agradecer nas minhas orações com certeza. Desde a Gabi (Erexim) que fica me enrolando no MSN até o Jé (Canoas) que fica me mandando mensagens erradas.
Ao povo da Pastoral da Juventude do regional que neste ano me proporcionaram vários momentos da renovação da certeza de que a PJ acontece mesmo é nas bases, e que a organização é fruto desta organização. Lembrar Rafa (Canoas), Pati (POA), Renata (POA), Núbia (Uruguaiana) Jaiane (São Leopoldo), Fabi (Passo Fundo), Matheus (Marau), Fabi (Trilha), Marina (Erexim)... enfim, todo o povo do RS.
A PJ do nacional muito obrigadão por ter participado da minha vida em 2011. Grande é minha expectativa de conhecer velhos amigos onlines pejoteiros no Encontro Nacional. De poder abraçar Alexander; beijar, abraçar e olhar nos olhos de Mari Malheiros, trocar partilhas com Franciele, enfim, toda essa gurizada que venho mantendo contato, seja pelo MSN, face, twitter, e-mail.
Aos amigos Igor e Luana (comentarista assidua nas postagens do meu blog) que de alguma forma tem estado presente na minha vida e tem se mostrado verdadeiros companheiros em todos os momentos.
Lembranças à Maria Alice, Marcel, Bel e Antonio pela amizade e carinho, amizade de longa data. Gosto bastante de vocês.
A comunidade Santa Cecília onde me criei que sempre com sabedoria consegue-me entender quando fico atarefado de coisas pra realizar. As constantes ofertas de ajudas de Beth, Iria...
Por último, mas não menos importante, agradecer a Simone que desde o começo de minha participação na PJ, soube ouvir, conversar, compartilhar suas experiências. Tenho enorme admiração por ti e pela tua caminhada.
Então pessoal, sei que o texto está extenso, mas foi à forma que achei de celebrar com todos vocês este ano. Quanto ao planejamento do próximo, bom... Seguirei feliz com o meu curso na FURG, participando da trupe, contribuindo na PJ e tentando fazer cada dia, um dia inesquecível e que ao escrever em meu diário (sim, tenho diário e daí?) fique satisfeito do dia vivido e espero que vocês façam parte dos próximos 365 que virão.
Que o Deus da libertação que se fez homem no meio de nós esteja presente todos os dias conosco. Um bonito 2012, ah não se preocupem, o final que os maias profetizaram não é na forma literal. Beijos e abraços
Douglas Santos 

16 de dez de 2011

Cordões da PJ

Saudações!
Os cordões feito em couro da Pastoral da Juventude virou mania, faça já sua encomenda pelo e-mail
douglas.ferreiradossantos@gmail.com
entrega pra qualquer lugar da América Latina.

8 de dez de 2011

O meu protagonismo

Deixa eu decidir o que é melhor
se é sonhar, sorrir
escrever ou cantar em dó, ré, mi
deixa-me decidir.

Deixa que eu faça as minhas escolhas
dos meus amores
das minhas dores
deixa-me escolher.

Deixa eu optar
seja pela vida
seja pela morte
deixa-me seguir a minha opção.

Ser-me-ei feliz
deixa-me escolher e ousar
optar
deixa-me protagonizar
poder decidir.

Douglas Santos

22 de nov de 2011

Intercedei por nós

Em seu íntimo ela cantava
louvores ao criador
e a Cristo anunciava
sem medo e com amor.
Assim como tantos
Cecília se entregou
anunciando o reino
do Deus libertador

Santa Cecília intercedei por nós
Santa Cecília junto a Deus Pai

Ao ser silenciada
seu sangue derramou
sua opção pelo povo
a morte à levou.
Cantos e poesias
de denúncias e de amor
Cecília interceda
pelas bençãos do senhor.

Douglas Santos


 Música em homenagem a padroeira da minha comunidade. Está disponível o áudio, a qualidade está péssima pois foi gravado em um celular.
Letra: Douglas Santos
Voz: Alex Cruz

12 de nov de 2011

Acampamento das PJ's do RS


COMEÇOU O ACAMPAMENTO!

Serão 30 anos de vida, sonhos e lutas celebrados no Centro Social Marista Santa Marta, em Santa Maria - RS!

Acompanhe no Blog dos 30 anos as notícias e nos twitters:

@pjsul3
@pje_rs

9 de nov de 2011

Bicho papão

Ontem o bicho papão se escondia no sofá
em baixo da cama dentro do armário.
O bicho papão não falava
só assustava dentro da minha imaginação. Será?
Hoje o bicho papão tem nome
fala e come, ou melhor, às vezes come.
Sim, hoje o bicho papão é a fome
o egoísmo, a violência que faz com que eu me esconda
onde ontem ele estava.
O bicho papão ontem só assustava a noite
mas ao clarear o dia, tudo ficava bem.
O bicho papão hoje assusta a noite, pela manhã e pela tarde, mesmo que elas sejam belas. O bicho papão está aí, acho que ele nem se esconde mais.
Hoje o bicho papão é a ganancia, o poder e a desunião.
Ontem quando eu tinha medo do bicho papão corria para o quarto ao lado.
Hoje corro para onde? Posso estar sem querer correndo a onde ele está.
E amanha? Qual será o bicho papão?
Espero que seja o mesmo de ontem, que se escondia no meu quarto, mas que não matava meus sonhos que é poder andar livremente, ocupar as ruas e praças, beijar e abraçar sem medo e poder ser a verdadeira criança que sou.

Douglas Santos
P/ espetaculo da trupe "O Circo Sem Lona" 

26 de out de 2011

Sentimento

O que é o sentimento?
Se não a secura na garganta
O coração acelerado
E as palavras embriagadas.

O que é o sentimento?
É as mãos tremulas, olhares fixos
pensamentos distantes,
por um amor quase impossível.

O que é o sentimento?
E ter no pensamento a tua figura
teu jeito sereno,
teu olhar preso aqui dentro.

O que é o sentimento?
Se não o pensamento de estar vivendo
ou melhor de não estar,
mas mesmo assim continuar sonhar.

Pra mim o sentimento pode ser vivido
simplesmente através de um sonho,
um sonho que um dia poderá tornar-se realidade.

Douglas Santos

18 de out de 2011

Acampamento dos 30 anos das PJs do RS!

As Pastorais da Juventude do Rio Grande do Sul, convidam a todos/as para o Acampamento dos 30 anos de sua História celebrados este ano. O Acampamento, que celebrará a caminhada de 30 anos das PJ's  na Igreja do Regional Sul 3, acontecerá em Santa Maria, RS - Arquidiocese de  Santa Maria de 12 a 15 de novembro.

O Acampamento Celebrativo será um espaço de comunhão e vivência da juventude das dioceses além de reafirmar a vida das Pastorais da Juventude para os próximos anos. Ele também faz parte do conjunto de ações de comemoração aos 30 anos de existência das Pastorais da Juventude no Rio Grande do Sul, que tem como dinâmica vivificadora a “Tenda de Javé”. A Tenda, que é o espaço de morada do Deus Vivo Javé que é força e presença na caminhada do seu povo, é também a experiência de um Deus Vivo que caminha com a juventude para uma conversão pessoal e comunitária é uma necessidade sentida e clamada pelos grupos de jovens. .

São esperados jovens das PJ's de todos os cantos do Rio Grande do Sul, que irão reafirmar seu compromisso junto a juventude gaúcha, na busca pela sua dignidade e felicidade.  Embalados pelo lema: "E a Palavra se faz carne e habita no meio da juventude” (Jo 1, 14), os participantes celebrarão e se animarão para que, a exemplo do Deus Vivo Javé que arma sua tenda junto aos jovens, vivam em comunidade e juntos possam defender a vida da juventude.

O encontro acontecerá Centro Social Marista Santa Marta e contará com o apoio da Arquidiocese de Santa Maria e dos Irmãos Maristas responsáveis pela obra. Além da celebração da caminhada de 30 anos, haverá formação da Campanha Contra a Violência e o Extermínio de Jovens e Missões Jovens pelo bairro Nova Santa Marta. As Pastorais da Juventude também participarão da 68º Romaria Estadual de Nossa Senhora da Medianeira, que acontecerá no dia 13 de novembro na cidade.

Para ter acesso a outras informações da atividade além da oração, hino dos 30 anos das PJ's, acesse o blog da celebração da caminhada http://pjsdors30anos.blogspot.com ou envie e-mail para cirandadaspjs@gmail.com 

As Pastorais da Juventude do RS esperam a presença de cada um/a de vocês para render juntos graças ao Deus da vida e da libertação por esses 30 anos de história, por essas três décadas gerando vida.

Pastorais da Juventude do Rio Grande do Sul

13 de out de 2011

circo sem lona

Oficialmente comunico que sou o mais novo integrante do "O circo sem lona".
A Trupe tem como idealizador Alex Cruz e o objetivo é unir  música, teatro, poesia, dança e circo. É composto por 8 jovens que além da trupe trabalham em outros projetos. Eu sou o palhaço propriamente dito, malabarista e faço algumas cenas. Muito contente pelo convite de fazer parte deste projeto e com certeza já considero como um pedaço da minha família. 

6 de out de 2011

Pelo dia do poeta...


Com licença
Permita-me ousar
para que eu cante, dance e poetize
com o objetivo de alegrar

Assim como a beleza da fada
ou do lago freqüentado pelos magos
localizado na floresta encantada
deve ser os poemas, recheados de imaginário.

As cores do arco íris que embelezam
cada cor, cada ator, cada compositor, cada poeta
muitas mulheres, muitos homens
que em seus escritos nos revelam suas vidas, seus amores

Desculpe-me os poetas verdadeiros, poetas do povo
pela audácia da minha escrita
há uma tentativa de revelar o intimo, o verdadeiro
da partilha do amor, uma partilha de vida.

 Douglas Santos
 Pelo dia do poeta (04/10) 

8 de set de 2011

Meus bixos de estimação

 Quando me tornei genti, logo tomei a consciência de que eu queria um bixo de estimação já que não tinha irmãos menores e morava longe dos meus primos e a criançada da rua meu pai não deixava eu brincar.
O primeiro animalsinho que ganhei foi um peichinho dourado, na verdade não sei por que chamava ele de dourado, ele era preto e com uns baita zoião. Depois do peixe veio uma tartagura que se chamava Joana que andava pela casa caminhando em seus passos lentos tentando fugir da solidão, sim, da solidão, pois eu deichava ela sosinha quando ia para a escola.

 A escola ficava perto da minha casa, foi tempos dificis, apezar de estudar desde o pré até a oitava série nunca consegui me adequar aquela escola, mas Graças a deus consegui concluir meu ensino fundamental, com uma base fraca, mas consegui.
 Mas continuando com os animais de instimação que tive, o próximo depois da Joana foi dois esquilo da Mongole, nossa dentre os bichos que tive esses foi os que menos gostei, não eram simpaticos. Depois deles ganhei um caxorro, Romeu o nome dele. Quando falo o nome dele todo mundo depois pergunta pela Julieta. Tentantiva de piada frustrada que não axo mais graça e sempre dou aquele sorrizinho pra tentar agradar.


Oje estou na faculdade, ainda não sei muito bem das coisas, escrevo  errado algumas vezes, mas de uma coisa eu sei, e digo que é até uma evolução. Tenho um Lattes, o meu mais novo bixinho de estimação... Toda vez que vou alimentar ele, lembro do meu tamaguche, que as vezes tarde da noite tinha que cuidar dele. O lattes não é muito diferente não, a unica diferença é que não tem 7 vidas. Esse tem uma só e tem que ser mantido sempre gordo, cheio de coisas. É um exigẽncia, um estatus talves. Até escrevi um poema... olha só

"Dos momentos vagos
tenho tempo somente pra ti
preencher meu lattes
do inicio ao fim"

Com vergonha
Douglas Santos

16 de ago de 2011

30 ANOS DA PASTORAL DA JUVENTUDE


 Júlio Lázaro Torma*
           Em homenagem a Flávio Camargo e Marcos Giovani Poliesti, jovens da Pastoral da Juventude da Paróquia São José do Bairro Fragata em Pelotas (RS), mortos precocemente
   
   Na noite da última sexta-feira (12 de agosto), teve inicio as celebrações das trinta primaveras da Pastoral da Juventude do Brasil ( PJ), na histórica Catedral metropolitana de São Francisco de Paula em Pelotas, aos olhares dos santos e anjinhos pintados por Aldo Locatelli.
  Foi um momento de celebrar, reencontrar,rever,recordar e confraternizar com os antigos/as amigos,como os novos/as amigo/as que estão levando a frente a PJ nos grupos de jovens em nossas comunidades e paróquias.
  Na Missa festiva encontrei alguns antigos amigos/as como Angelita,Clarisse e Hamilton,Luís Augusto ( Unka),Serginho,alguns novos como Victor,Oberdan,Leandro, Ir Maristela, que estão tocando com muito amor está caminhada.
  Muitos amigos/as dos grupos de jovens da década de 1990, não os tenho mais visto,alguns vejo seguidamente como Luis Antônio o( Toninho), que foi companheiro da Coordenação Paroquial daPJ, nos anos de 1992-1993, na paróquia de São José do Fragata.
  Ao rever os antigo/as amigo/as, também me trouxe recordações de amigos que não voltam mais, que na flor da sua juventude nos deixaram, como Marcos Giovani Poliesti, amigo e companheiro de comunidade,trabalho pastoral, das horas de alegria, tristeza, das bagunças,estudo, que tão precocemente nos deixou e que na casa do Pai, intercede e zela por todos nós.
  Ao celebrar, celebramos a memória do passado,presente a vida,fazemos a recordação das festas,celebrações, encontros,visitas,retiros, reuniões, festivais,vigílias,cursos de formação, romarias e os Dias Nacional da Juventude.
  Também das conversas, amizades e namoros que tiveram inicio nos grupos de jovens e que se tornaram felizes matrimônios.
  Muitos casais que se conheceram na PJ, são atuantes nas comunidades e nos dão bons testemunhos de fé, amor, dedicação a familia e a Igreja.
  Assim como nos grupos de PJ, muitos jovens despertaram para a vida presbiterial e religiosa;bem como para a militância política-partidária, exercendo funções em partidos, governos, parlamento,militância social em ongs,sindicatos, movimentos sociais,eclesiais( movimentoseclesiais, pastorais sociais,lideranças de comunidades eclesiais).  A Pastoral da Juventude, além de ser uma sementeira de lideranças é uma escola de vida, que nos marca para a vida inteira.Nela apreendi a escutar e ser sensível aos apelos que vem do mundo dos pobres,da classe trabalhadora,ser mais humano,amigo, compreensivel,aberto ao diferente,além de ver e sentir a presença maravilhosa de Deus.Além disso podemos dizer que nos grupos de jovens, também se forma e se descobre talentos como da música que gerou o conjunto musical Coração Livre, que anima as nossas atividades da arquidiocese.   Tenho dito sempre, por onde ando que nenhum " jovem que participa dos grupos de jovens daPJ, se perdeu, nas garras do capitalismo, que tenha caido nos erros e no crime organizado.Alguns jovens me contaram que ao participar da PJ,mudaram de vida, saíram das drogas e das más companhias, porque encontraram um grupo em que se sentiram valoriza dos,amados e respeitados como seres humanos,filhos/as de DEUS.  E que a própria familia, viu a mudança na vida e começaram também a participar da comunidadeeclesial de base, onde o adolescente, jovem também deu testemunho em seu lar.  Participar da PJ,não é se isolar do mundo, mas apreender estar no mundo, ser " luz","sal", junto a juventude e no local a onde mora,estuda, trabalha, de lazer.  Saber acima de tudo se descobrir como jovem que sabe fazer história, com muita reza, festa, alegria, contra a violência e extermínio da juventude.Celebrar as trinta primaveras da Pj, é celebrar a vida e a caminhada de milhares de jovens que lutam, cantam,rezam, brincam com alegria e que estão nas ruas, locais de trabalho, comunidades, estudo.  E como ensina a canção cantada em nossos grupos:Prá frente, Prá frente linda juventude, você é a esperança do país".
_____________
  * Membro da Equipe da Pastoral Operária( Arquidiocese de Pelotas/ RS)

10 de ago de 2011

A Campanha Nacional das PJs chegando na universidade...

 O curso de História da Universidade Federal do Rio Grande (FURG) promoveu nos dias 1, 2 e 3 de agosto   seminário sobre a violências nas escolas. O objetivo deste evento era fazer uma reflexão sobre os diversos tipos de violências nos espaços escolares e como combate-las. Fui convidado para apresentar a campanha nacional chega de violência e extermínio de jovens das pastorais da juventude e partilhar de que forma a campanha pode ser trabalhada nas escolas. Além de professores universitários, acadêmicos (FURG e UFPEL) estiveram presentes neste evento professores da rede pública do município. 


25 de jul de 2011

@jconectados

 Num certo dia o site do Jovens Conectados lança uma promoção rumo a JMJ em Madrid, e um bando de doidos, gravam um vídeo para participar! "Quem é que vai? Eu vou, eu vou!" é o nome do vídeo que em 2 minutos faz uma reflexão do que é ser um jovem conectado.
 O jovem conectado com a família, universidade, música, teatro, comunidade, cultura, tecnologia, que participa da promoção do @jconectados e concorre a viagem para Madrid, que conectado a ele está o  resto do grupo que juntos participarão deste momento bonito da juventude "terráqueo".
Bora torcer pela Manoela!
Se ela vai, eu vou também!

Semana do Estudante 2011


Aos Jovens espalhados/as por esse Brasil,
Com grande alegria as Pastorais da Juventude (PJ, PJE, PJMP e PJR), juntamente com a Rede Brasileira de Centros e Institutos de Juventude divulgam o subsídio da SEMANA DO/A ESTUDANTE de 2011, que tem como objetivo de provocar a movimentação e dar oportunidade para que os/as jovens vivenciem com maior envolvimento o dia 11 de agosto, dia do/a estudante, data tão importante para Juventude. O material trás como temática nesse ano a discussão sobre as juventudes das comunidades negras e indígenas, que são pontos de resistência diária, recriando formas de viver, crer, educar e conceber a vida.
Esse ano a Semana do/a Estudante acontecerá de 08 a 14 de agosto, com o Tema: Juventude Negra e Indígena: Comunidades de resistência; e Lema: Dos tambores e cirandas à luta pela vida; Um momento para que a Juventude reflita sobre os jovens que por muito tempo e até os dias de hoje vivem à margem da sociedade, que exclui e desumaniza.
O subsídio propõe encontros, celebração, textos, vídeos, dinâmicas para serem trabalhadas. Além de propostas para o trabalha antes, durante e depois da Semana do Estudante, pois temos em vista que a grandiosidade da temática proposta não pode se esgotar em apenas uma semana, essa deve ser apenas a primeira de varias discussões sobre esta rica temática que carece aprofundamento, resistência e luta.
Então, façamos dessa Semana um ato de resistência, um momento de celebrar, festejar, mas acima de tudo de lutar por aquilo que é de direito, pela vida de muitos que já se foram nesses anos e de tantos outros que se perderam ao longo da história. O material trás base para que essa discussão seja profunda e transformadora, por isso divulguem e espalhem aos cinco cantos do Brasil o canto que o negro entoou, o grito da “Terra sem males”.
Para fazer o download da cartilha  e do cartaz da Semana do/a Estudante 2011 clique nos  links abaixo:



Pastoral da Juventude
Pastoral da Juventude Rual
Pastoral da Juventude Estudantil
Pastoral da Juventude do Meio Popular
Rede Brasileira de Institutos de Juventude
 Casa da Juventude - Padre Burnier 

19 de jul de 2011

Na espera...

O vidro embaçado
meus olhos perdidos no horizonte
a noite prometendo ser fria
coração aflito, esperando no celular ver seu nome.

Beijos molhados
corpo quente
pele macia
olhos vibrados.

Vamos tentar de novo
nos permitir a felicidade
andar pelas ruas
conhecer, viver novos ares.

Vamos? Dê-me a mão
me abrace,  juntos um só somos
vamos caminhar juntos
sonhar novos sonhos.

No entrelaçar de nossas mãos
no encontro dos nossos olhares
a certeza de uma vida
feita de poesias e canções.

Deixa EU sentir o abraço TEU...

Douglas Santos

14 de jul de 2011

Feliz Aniversário

Nossa, o tempo voa! Dois anos e um mês que o blog "Douglas da PJ" está no ar.
Muito obrigado pelos comentários, visitas e fuxicadas.
Este espaço é meu, teu... Nosso!

Pelo aniversário, me arrisquei escrever um mantra.

Viva

Viva, intensamente! Seja feliz e forte.
Lute sempre, pois felicidade não vem com a sorte!
Douglas Santos

12 de jul de 2011

O ponto

...
EU no ponto
esperando para ir ao ponto
Você passa
e me deixa tonto

Após o beijo
olhares trocados
os pontos apresentados
coração passa a ficar apertado

Oh! Espera angustiosa
quero ser o ponto
que irá se unir ao seu
e formar um conto

Conto que mostrará a alegria 
de o ponto não ser o fim
e sim o ponto ser
um novo recomeço.
...

Douglas Santos

20 de mai de 2011

Placas de minha vida

Parar só se for de chorar, reclamar
avançar sempre, mas respeitar o limite.
Ir e vir para conhecer a realidade
mas sempre estar inserido na base.

Retornar só se for para buscar
alguém que deixamos.
É proibido estacionar
ou trocar de via, realidade.

A seta que nos conduz é Jesus.
Cuidar os pejoteiros que estão "atravessando"
cuidar para que sigam no caminho certo e não dobrem.

Douglas Santos

obs. Poema escrito em um retiro de avaliação da caminhada da PJ na diocese de Pelotas.

18 de mar de 2011

Um novo recomeço!


Pôr-do-Sol na praia artifical em Foz do Iguaçu/ PR

"O sol que me aqueceu, agora está indo embora.
Ele vai pra lá aquecer os que hoje choram"

Douglas Santos
 
 
 
Lembrando dos irmãos Japoneses que estão passando por dificuldades por causa das catástrofes.   


4 de mar de 2011

Tudo que ainda Há!

Há gritos na garganta e caminho nos pés
Há beijos nos lábios e lágrimas nos olhos
Há vida nova
Há emoções para serem vividas.
Há esperança nos novos brotos
Há lágrimas nos olhos
Há saudades no peito
Há desconfiança da vida
Há insegurança
Há palavras a serem ditas
Há tapas a serem dados
Há pedidos a serem feitos
Há olhares.

"Há abraços"

Douglas Santos

15 de fev de 2011

Deixando de ter sentido



A essência de hoje não é a mesma de ontem.
Hoje tudo se esquece, tudo se apaga facilmente.
O sonho está se apagando, ô apagando está, 
sonho virou pagão, virou apagão.

Douglas Santos



29 de jan de 2011

Palavras ao vento

Pombos no Cassino / Verão 2011

"...Deus dá-me asas
para que eu possa
sentir a liberdade
quando o meu rosto 
o vento tocar.

Deixa eu sentir
o frio que ele traz
a leveza que posso ser
e o jeito que foste já..."

Douglas Santos

24 de jan de 2011

Adolescentes

Confecção das pulseiras
  Na última quarta-feira dia 19.01.2011, fiz um trabalho de formação com as adolescentes do Instituto São Benedito localizado na rua Feliz da Cunha próximo a Catedral São Francisco de Paula em Pelotas.
  Essas meninas são das cidades de Pelotas, Capão do Leão, Canguçu e São Lourenço, trabalham como estágiarias em agencias de banco e todas as quartas se reúnem  para uma bonita tarde de formação e nesta
semana fui convidado pela Irmã e amiga Maristela.
Pulseira com nome em couro
  O tema trabalhado foi: ‘Opressores e oprimidos’ fazendo uma provocação a cerca dos patrões e empregados. Outra provocacão que foi feita foi a questão das realizações dos sonhos, por serem de realidades que não ajudam e não incentivam os estudos refletimos bastante da importância de paralelamente ao trabalho que é necessário e preciso  estudar e se fazer presente nos meios que mais chamam atenção. A maioria delas  gosta de dança e participam ou já participaram de grupos.


Pulseiras prontas
   Para finalizar, uma última reflexão, o consumo e  a exploração que jovem sofrem ao comprarem marcas que só exploram o povo em sua construção, foi apresentado a economia popular solidária e como gesto ensinei como fazer pulseiras artesanais de macramê.

23 de jan de 2011

Reflexos

Este é mais um espaço de partilha de outra atividade que gosto de fazer. Fotografar.
O marcador será 'reflexos' onde será postado uma foto com uma frase, texto, poema de minha autoria ou não.
Entre, o blog é seu também, contribua com sugestões.

Para a primeira postagem deste marcador uma pequena homenagem a minha sobrinha/mana Leandra pelo seu aniversario.
Esta foto eu tirei para seu book de 15 anos no interior da cidade de Pelotas na chamada Cachoeira do Arco Irís em Janeiro de 2010.

Douglas Santos